top of page
Buscar

Solatio vai construir complexo solar de 2,5 GW no Mato Grosso do Sul

O grupo espanhol, apontado como o maior investidor de geração solar centralizada do País pela ePowerbay, investirá R$ 8,5 bilhões no projeto.

O grupo espanhol Solatio Energia vai investir R$ 8,5 bilhões em um complexo solar fotovoltaico de 2,5 GW de capacidade instalada no Mato Grosso do Sul.


Imagem: Divulgação


O complexo ocupará 3,5 mil huectares, em áreas dos municípios de Cassilândia, Paranaíba e Chapadão.

O complexo ocupará 3,5 mil hectares, em áreas dos municípios de Cassilândia, Paranaíba e Chapadão.


As obras do empreendimento começam em setembro deste ano e devem garantir a entrada em operação comercial a partir de janeiro de 2025.


O conjunto de módulos solares em Cassilândia serão conectados à subestação de Chapadão do Sul e os de Paranaíba com a de Inocência.


A comercializadora Tradener entra na parceria para negociar a energia do complexo no mercado livre.


Segundo estudo publicado pela consultoria ePowerbay neste mês, que reúne e analisa todos os projetos solares do País que se beneficiaram do programa de incentivos Reidi (praticamente todos), a Solatio é a empreendedora com maior capacidade instalada e maior valor em investimentos, com quase 8 GW e mais de R$ 22,5 bilhões investidos. Isso faz o grupo ter 28% da potência total dos projetos.


Fonte: Fotovolt


Comments


bottom of page