top of page
Buscar

Absolar entra em programa internacional de hidrogênio verde

Entidade é a primeira do setor privado brasileiro a aderir à iniciativa, que catalisa financiamentos para investimentos em H2V.

Imagem: Divulgação


A Absolar - Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica aderiu à iniciativa internacional H4D, abreviatura para Hydrogen for Development Partnership, lançada em novembro de 2022 na COP 27, no Egito, e liderada pelo Banco Mundial.


A associação passa a ser a primeira entidade brasileira do setor privado a integrar o grupo, do qual também participam as públicas CCEE - Câmara de Comercialização de Energia Elétrica e a Adece - Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece).


O grupo H4D tem meta de ajudar a catalisar financiamentos para investimentos em hidrogênio produzido por fontes renováveis, tanto na esfera pública quanto no setor privado.


A ideia é ainda atuar em questões regulatórias, modelos de negócios e tecnologias para a consolidação do hidrogênio verde (H2V), principalmente em países em desenvolvimento.


Fazem parte do H4D atualmente várias instituições industriais, acadêmicas e de pesquisa, que se reúnem semestralmente para formular proposituras aos setores público e privado.


Motivam também as reuniões a troca de informações sobre as atividades dos membros do grupo e o estabelecimento de acordos organizacionais para a entrega de tarefas.


“A parceria é mais uma iniciativa da Absolar para contribuir com o desenvolvimento do mercado brasileiro de hidrogênio verde, tanto para exportação de seus derivados quanto para consumo doméstico”, comentou o coordenador da força-tarefa de hidrogênio verde da Absolar, Eduardo Tobias, um dos articuladores da parceria da entidade com o Banco Mundial.


“É fundamental o Brasil ter representatividade nessas ações multilaterais para construir seu protagonismo nesse mercado tão promissor”, acrescentou.


Fonte: Fotovolt


Comments


bottom of page