top of page
Buscar

Absolar assina acordo com chineses para fomentar mercado solar

Ideia é ampliar comércio bilateral entre os países e ampliar a colaboração técnica.

A Absolar - Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica assinou memorando de entendimento (MoU, na sigla em inglês) com duas entidades chinesas para ampliar o comércio bilateral e a colaboração técnica entre os setores solares fotovoltaicos do Brasil e da China.


Imagem: Divulgação


A primeira entidade é do governo chinês, a Cietc (sigla para Center for International Economic and Technological Cooperation), e a segunda, a CPIA (China Photovoltaic Industry Association), a associação nacional dos fabricantes do setor.


Assinado durante a feira setorial SNEC 2023, em Xangai, o memorando tem como meta, segundo comunicado da Absolar, acelerar o desenvolvimento dos mercados de energia solar nos dois países, para ampliar a atração de novos investimentos, gerar empregos e renda e criar oportunidades de negócios.


Como parte da iniciativa, as três organizações vão realizar conjuntamente um evento anual, o China-Brazil Solar PV Industry Exchange Forum. Ainda sem data definida, o Brasil foi escolhido para sediar o encontro já em 2024.


Para o CEO da Absolar, Rodrigo Sauaia, a associação quer se empenhar para atuar em colaboração com as entidades chinesas.


“O acordo fortalece ainda mais as relações entre Brasil e China e trará muitas oportunidades, proporcionando um crescimento ganha-ganha”, disse Sauaia.


Fonte: Fotovolt


Comments


bottom of page